By WebCAMPOS – Copyright © 2014 LUSOCAMPOS Todos os direitos reservados

 

SÃO DOMINGOS VELHÍSSIMA

VERY OLD BRANDY

 

O lento e natural envelhecimento desta aguardente em cascos de carvalho da

região de Limousin durante 5 anos, desenvolve surpreendente riqueza aromática,

sabores e cores guardando a essência inicial do vinho sem perder o seu verdadeiro

paladar agradável, concentrando aromas florais e terminando com um toque de

baunilha, marcando um estilo muito próprio São Domingos.

 

The slow and natural aging process of this spirit for 5 years in Limousin oak barrels

unraveled a surprising aromatic richness, flavours and colours but maintained the

initial nature of the wine without losing its real pleasant taste concentrating floral

aromas and finishing with a touch of vanilla thus designing a very peculiar style.

 

 

TEOR ALCOÓLICO: 40%vol | 70cl

ESPUMANTE SÃO DOMINGOS

Extra Reserva Bruto

 

Castas: Arinto, Cercial & Chardonnay

 

ENOLOGIA

A vindima para espumante tem inicio nos primeiros dias de agosto para assim podermos encontrar uvas com elevada acidez e pouco açúcar. As uvas são vindimadas por castas e mantidas em separado para que a equipa técnica tenha uma ampla seleção e opções de mistura afim de otimizar a complexidade e estrutura dos lotes. Após a inoculação com leveduras selecionadas, a fermentação ocorre em tanques de aço inox. Em novembro a equipa de enologia prepara o vinho base com as suas características individuais de aromas e sabores únicos.

 

MÉTODO CLÁSSICO

Após a segunda fermentação em garrafa o vinho é estagiado em cave sobre as leveduras por um período de 16 meses, à temperatura constante de 12ºC e, assim, encontrar o equilíbrio

perfeito de riqueza, sabor e elegância. Para a remoção das leveduras procede-se à remuage durante 2 meses. O degorgement glacée liberta as leveduras e de seguida adicionamos uma pequena quantidade de licor de expedição para terminar o vinho. Depois de um período de dois meses após todo este processo a garrafa de espumante está pronta para entrar no mercado. Aconselhamos que não atrase o seu consumo mais de 10 meses depois da sua compra.

 

TEOR ALCOÓLICO: 12%vol | 70cl

SÃO DOMINGOS

Colheita D.O.C // Dão

 

Castas: Touriga-Nacional (40%) , Tinta-Roriz (30%) & Alfr

 

ENOLOGIA

A data da vindima foi marcada em função do apertado controlo de maturação das uvas, da observação sistemática dos cachos, das folhas das videiras e do objectivo previamente definido a que se destinam as uvas. A colheita das uvas foi manual, para caixas de 20 Kgs, procedendo-se ao desengace total das uvas e à fermentação separada das castas, a temperatura controlada de 27ºC, em cuba inox, realizando remontagens frequentes.

Após a fermentação maloláctica estagiou em cuba inox.

 

A PROVA

Aroma elegante onde predominam as notas de frutos vermelhos, balsâmico e ligeira compota. Muito harmonioso e suave na boca, a fruta marca presença, terminando jovem e elegante.

 

GASTRONOMIA

Servir a 16-18ºC com pratos fortes de carne bem condimentados e com gordura, como assados e guisados.

 

TEOR ALCOÓLICO: 13,5%vol | 70cl

 

Prémios

MEDALHA DE PRATA

DECANTER WORLD WINE AWARDS

LONDON, 2013

 

75 Anos de História

 

Desde 1937 que a empresa Caves do Solar de São Domingos, produz espumantes, aguardentes velhas, aguardente bagaceira, vinhos Bairrada e Dão.

 

As suas galerias albergam mais de dois milhões de garrafas de espumante, largos milhares de vinhos engarrafados

e centenas de quartolas em carvalho francês para as suas afamadas aguardentes vínicas. A Aguardente Bagaceira

“São Domingos”, produzida em alambiques próprios, continua a liderar o mercado com a qualidade de sempre.

 

Em 2006 foi inaugurado um moderno centro de vinificação que permite receber mil toneladas de uvas provenientes

de propriedades próprias e de viticultores a trabalhar em parceria com a empresa.

 

Sob a égide da referência “São Domingos”, tem surgido outras marcas como “Lopo de Freitas”, “Elpídio”,

“Quinta de S. Lourenço” e mais recentemente “Volúpia”, um vinho branco que tem surpreendido os consumidores

e os líderes de opinião.

 

A constante inovação dos meios de produção e de vinificação, tem permitido elevar a qualidade e o prestígio dos vinhos

da casa, reforçando a competitividade empresarial da marca São Domingos.

 

O enoturismo é também uma aposta ganha, deslumbrando milhares de visitantes todos os anos pela beleza das galerias

escavadas na rocha, os milhões de garrafas, bem como o show room, salão e museu com sala de provas, fazendo

parte integrante da Rota da Bairrada.

 
X

Password:

mot de passe